terça-feira, janeiro 13, 2009

Parece mentira

Uma historinha fictícia, pero no mucho.

“Ô, rapaz, sua braguilha está aberta.”

“Não, não tá.”

“Tá sim, eu to vendo, olha aí.”

Uma conferida rápida e o outro se mantém firme.

“Não, fechadinha.”

“Cê tá doido, eu to vendo sua cueca daqui. É vermelha e tem alguma coisa escrita em preto.”

“Realmente minha cueca é assim, mas eu não acredito que minha braguilha esteja aberta. E quer saber? Você só está falando isso pra me incomodar.”

E foi embora, cueca à mostra e todo satisfeito.




Direto na têmpora: A brief celebration of indifference - Mudhoney

4 comentários:

ndms disse...

Realmente tem certas coisa que não dá para entender: O cara não queria pagar mico? Autosuficiente?
Sei la!

redatozim disse...

é aquela história do pior cego, ndms, vai entender...

Rubens disse...

Mais me parece um caso de rabujice.

redatozim disse...

Rabujice, burrice, idiotice, estultice, pode escolher o "ice", rubéola.