segunda-feira, janeiro 05, 2009

Nós

Não fomos feitos um para o outro, não estava escrito nas estrelas, não foi o destino.

Houve sim, o acaso após 13 anos sem nos vermos, o encontro na rua, a aproximação, mas não somos fruto de um desígnio. Mais bonito que isso, somos frutos de nossa vontade.

Nós nos fizemos um para o outro; escrevemos nossa própria história em estrelas, pedras e lágrimas; fizemos o destino que nosso amor possibilitou criar.

Nós não somos um conto de fadas, um filme com Julia Roberts ou um grande romance épico. Nós somos esse dia-a-dia difícil e maravilhoso, incerto e apaixonado. Nós somos nosso pequeno grande amor, que não se nota, sobre o qual não se escreve, que não faz outros sonharem.

Nós somos esse projeto que construímos, que nos cabe melhor, que nos aceita assim e que podemos mudar todo dia. Nós somos um trabalho a quatro mãos e a milhões de sonhos. Andamos sobre o chão que você me deu e voamos com as asas que tecemos juntos.

Nós somos limite e compreensão, tentativa e erro, o pé tateando cuidadoso o vazio e o salto livre no espaço.

Não somos mais e nem menos. Somos nós.



PS - Porque digo à Fernanda o quanto a amo menos do que deveria, escrevi isso. A ela que me tornou plural, um beijo que seja como o primeiro sempre.




Direto na têmpora: Gotta have you - The Weepies

28 comentários:

camila disse...

caiu uma lágrima aqui. super lindo! beijos

redatozim disse...

fico feliz que tenha gostado, camila. chora não ;)

Gastão disse...

Redatozim, meu irmão...

Tá vendo? Que "nota 7" o quê, Redatozim...

redatozim disse...

Esse é 10 pra Fê, Gasta (eu espero). Pras outras pessoas eu não sei.

Janaína disse...

Olá, Maurilo. Desculpe a invasão. Cheguei até você através do blog do Humberto, que é um grande amigo meu. Desde então te visito sempre. Outro dia você escreveu um post que eu gostei muito, sobre as "encruzilhadas" da vida, que me impressionou e que ele citou no blog dele. Não comentei no dia, nem sei porquê. Mas esse eu não podia deixar de comentar,principalmente porque todos estão perguntando porque eu tô chorando. Lindo e tocante. Parabéns!

redatozim disse...

Que é isso, Janaína, invasão que nada. Todo mundo é bem vindo aqui na pastelaria, ainda mais se for pra elogiar ; )

Obrigado, viu? Beijo.

Micho en el pais de las maravillas disse...

Isso não é nota 7 nem fudendo!
Fernanda e Sophia! duas moças de sorte!
Mestre tem alguns post como este que me fazem chorar.
Um beijo!

redatozim disse...

A média é 7, micho, mesmo que este fique um pouco acima. Mas aceito e agradeço o elogio imensamente. Valeu!

Jonga Olivieri disse...

É o amoooooor!
Don

redatozim disse...

E dos bão, Don Oliva.

Lu Olhosde Mar disse...

excelente, verdadeiro, forte. cuide bem deste amor!

Maria disse...

Ai que meu coração aqui em São Bernardo do Campo - SP ficou apertadinho, apertadinho, com saudade desse sentimento que fica adormecido com a rotina e com o tempo, mas que não deveria jamais sair da nossa pele. Deixa ele adormecer não, que só bem acordado é que dá frutos tão lindos quanto a Sophia e o sorriso leve e doce dos 3 quando se olham....(fotos lindas)...Ah, o amor...lindo e q seja abençoado!

ndms disse...

E que continuem colocando mais e mais amor nesse lindo projeto
Um abração para vc, Fe y fofinha

Guerreiro Antonio disse...

Todos os dias passo por aqui mas acabo não comentando. Hoje não deu. Excelente texto. Parabéns pelas palavras que sempre parecem sair com tanta facilidade, e principalmente por esse amor.
Clarissa

redatozim disse...

Valeu, Lu Olhos de Mar (que nick bacana). A gente tenta cuidar mesmo. Beijo.

redatozim disse...

Ô Maria, já trabalhei aí nesse São Bernardo, tá tudo bem aí? Ah, o sentimento a gente cutuca de vez em quando pra ver se ele acorda, mas não pode deixar adormecido mesmo não, você tem razão.

redatozim disse...

Valeu, ndms, continuamos sempre.

redatozim disse...

Clarrisa, antes de mais nada, belíssimo blog o do Guerreiro Antonio, viu? Beijo grande nele e olha uma quadrinha pra ajudar ele a não ter medo mesmo do caranguejo terrível.



Caranguejo

Uma pergunta sobre o caranguejo pra quem é muito inteligente.

Se pra ir em frente ele anda de lado, pra ir de lado ele anda pra frente?

Fê disse...

I am speechless!!!!
Amo você, vida! Amo nossa vida!

redatozim disse...

Me too, honey. Te amo demais, minha Fer.

rogerio fernandes disse...

Menino, ainda não nos falamos em 2009, Feliz ano novo para a família inteira. E pelo que eu li, começou bem pelos posts que estão arrasando. Amigão, não sou escritor como você mas vou citar um cara que adoro e que você também gosta muito- Paulo leminski - " Isso de querer ser exatamente o que a gente é ainda vai nos levar além"
Beijos procê, Fê e Sophia.

redatozim disse...

Pois é, Roger, liguei pra você e Tetê várias vezes antes do reveillon mas os celulares estavam desligados.

Um ano novo maravilhos pro quarteto aí, meu velho e vamos nos ver logo. Comprei uma edição de Barttleby, o escrivão que preciso te mostrar.

Grande abraço e valeu o Leminski, é sempre bom.

rogerio disse...

Cara, você não sabe que eu ganhei este livro de amigo oculto? Genial né? A Cosac é duca mesmo. Acontece que fiquei sabendo que eles só est∫ao publicando clássicos e autores famosos, snif. Mas o andar por andar está indo bem e estou quase no fim, vamos fazer um projeto de prospecção pra esse livro?

redatozim disse...

O livro é sensacional em todos os aspectos. Cara, vamos correr atrás do Andar por Andar sim, mas eu acho que editora não é viável hoje. Tenho percebido muito desinteresse. Talvez empresa seja mais fácil. Enfim, vejamos.

emmibi disse...

ai que lindooooooooooooooooooo
=D

redatozim disse...

Obrigado, emmibiiiiiiiiiiiiiiiiii

Adoração Fonte Eterna disse...

Maurilo é o pseudônimo do verdadeiro autor desse belo texto: o Amor.

Amor assim não cabe em palavras, não é mesmo my friend?

redatozim disse...

Aaaahhhh, pelo "my friend" eu descobri quem é o AFE: bem vindo de volta, rubéola.