segunda-feira, janeiro 29, 2007

Decorativo

Meramente decorativo é o que você se sente quando sua filha de 1 ano e 1 mês, no primeiro dia de escolinha, brinca durante o tempo todo, não pede colo e nem sequer se abala com os seus chamados para ir embora. Tudo bem que filho a gente cria pro mundo, mas a minha não, pô!




Direto na têmpora: I come from a land down under - Men at work

15 comentários:

Anônimo disse...

Hahahahahahaha, essa aí já é independente desde pequenininha...

Turca disse...

Mas bah, tchê, venha com a patroa e a guria, bagual, que aqui nós fazemos churrasco para todo mundo. Não sei se vai dar para tanto, mas venham em casa que eu preparo umas empanadas e vocês comem um bom prato típico argentino!!! E se não der porque o pacotão não deixa, a gente combina outra coisa e se encontrá lá no centro p/ tomar um cafezinho ou sei lá... Tomara que dê para vocês conhecerem o bairro, meu patrão e o meu cachorrinho =)
Aguardo seu e-mail
Bjo!
Analia

Turca disse...

Agora, se fosse a minha filha eu daria um jeito de rever aquela questão de trabalhar em casa e deixar o escritório para 1 ou 2 dias por semana...
Lembra quando os mais velhos diziam "9 meses carregando na barriga para que eles sejam do mundo"? (pelo menos minha mãe falava isso)
T +!

raquel disse...

nossa, que dor!
já deve ser dificil deixa-la na escolinha. agora voltar pra busca-la e ela não dar bola, aí corta o coração.
mas fique tranquilo, o colo predileto vai ser sempre o seu. pode ter certeza.

oliva disse...

É a vida. O meu, hoje está com trinta, mas ainda me lembro dessa fase. Olha, cara, aproveita, porque depois... bom, depois a gente perde para o mundo dr fato.

Gostei do churrasco da Turca. Diz pra ela não, mas, me inclui qdo eu estiver aí em Beagá.

Gastão disse...

Redatozim, meu irmão... Quando o assunto é "filhos" a única coisa constante é a inconstância. Hoje ela não quer ir embora, amanhã ela pode não querer ficar, no outro dia ela chora para ficar e para ir embora, e depois ela vai adorar ficar e adorar ir embora. Mas não se preocupe, isso só dura uns 60 anos, ou até que a morte os (ou nos, a mim e aos meus) separe.

Redatozim disse...

Sim, anonymous, independente até demais. Fico só vendo as asinhas crescerem e você nem imagina a vontade de cortar risos

Redatozim disse...

Analia, a baixinha não vai, somos só eu e Fernanda mesmo. Como eu disse é coisa de 3 dias, 4 noites, mas mesmo assim gostei da idéia do churrasco, ou pelo menos do cafezinho. Ah, já te mandei o email. No mais, se você convencer o meu chefe e o da Fernanda a manter o salário mesmo com a gente trabalhando em casa, a idéia é genial. Aiai.

Redatozim disse...

Sabe o que é pior, Kel? Nem dá pra sentir dor. Ela ficou tão feliz que a gente acaba gostando também. Foi mais crise de ciúme mesmo.

Redatozim disse...

É, Oliva, a tarefa é eterna (e que dure muito mesmo). Agora, o churrasco da Turca é em Buenos Aires, anima?

Redatozim disse...

É verdade, Gasta, são imprevisíveis essas criaturas. e a gente fica aqui, só babando e esperando pra saber se desce o braço ou enche de beijo.

roger disse...

Há,há,há,há,há,há,há,há,há,há,há,há,
há,há,há,há,há,há,há,há,há,há,há,há,
há,há,há,há,há,há,há,há,há,há,há,há,
há,há,há,há,há,há,há,há,há,há,há,há.
Isso é só o começo, MM. daqui a 13 anos vc me procura. O resto dos seu cabelinhos já estarão, a esta altura, extintos.

Redatozim disse...

Tá só caindo, meu velho, só caindo.

Mônica disse...

Nego, prepare-se, Miguelzinho tá na área pra ajudar no seu desespero futuro!!! ahahahahahahahahaha Por que lá vai ser bem pior... a escola fica cm. boa lembrança....

bjo

Redatozim disse...

Nem me fale. Mas pelo menos ela tá dormindo bem à noite que é uma grandeza risos