segunda-feira, outubro 22, 2007

Rubinagem de domingo

Até que a carreira dele prove o contrário (e pode muito bem provar) o Lewis Hamilton acaba de ser promovido ao posto de segundo maior rubinador da F1, atrás apenas do Rubinho em si. Duas corridas, duas cagadas e o título cai no colo do Raikkonen. Pelo menos o Alonso perdeu.


PS - Eu não sou fã de F1, nunca fui, nem na época do Piquet, mas que a final desse ano foi emocionante, foi.




Direto na têmpora: Foolin' - Def Leppard

8 comentários:

morado disse...

discordo completamente, caro pastel.

apesar da cagada na saida o cara ganhou 4 corridas (recorde para um rookie), fez 6 poles (tbm recorde em temporada de estreia), foi o piloto mais jovem a liderar um campeonato e bateu o recorde de podiuns consecutivos desde o começo da temporada (9). Teve 12 podios no total e marcou pontos em 15 das 17 corridas da temporada.

rubinho ganhou sua primeira corrida na oitava temporada, teve um podium na segunda e um na terceira. Soh foi terminar em segundo lugar no campeonato no seu 10° ano de F1.

Na sua primeira temporada (inteira) o schumacher terminou em 3°, ganhando apenas 1 corrida (8 podios). segundo ano em 4° e ganhou pela primeira vez na terceira temporada.

enfim: o negao é de outro nivel, comparado com o rubinho. acho que a melhor (e unica) desculpa é tremer na hora do penalti, inexperiencia classica (22 aninhos, o rapaz). o senna fez uma cagada parecida em monaco uma vez, com quase uma volta no segundo, rodou sozinho, bateu e perdeu o campeonato. admite que aprendeu mais com essa merda que com as vitorias.

Redatozim disse...

Morado, como eu disse, a carreira pode redimi-lo e o primeiro ano dele foi, realmente, excelente. No entanto, "rubinar" se refere a não atingir o que se espera do ser em questão. Não é o caso do Senna e nem do alemão, mas é o caso do Rubinho e, após a chance desperdiçada, pode ser o caso do Hamilton. Só o tempo dirá. Agora, que não dá pra comparar Rubens e Lewis é ponto pacífico.

don oliva disse...

Rubinou. É isso mesmo: o inglês deu uma tremenda duma rubinada.
E dizer que realmente estava com o campeonato nas mãos.
Mas, pelo menos o mais antipático dos espanhóis (que ao contrário é um povo simpático) não chegou ao tri.
Já imaginou a cara do hermano.
Tenho até a impressão que o Alonso é argentino... hehehe

Redatozim disse...

hahahaha o Alonso ser argentino é genial! Realmente nunca soube que existiam espanhóis antipáticoa assim.

Cejunior disse...

Não sei... o Hamilton ainda é um menino e a juventude tem dessas coisas...
E sabe que essa tese do Alonso ser argentino tem tudo a ver ?
Um abração e boa semana.

Redatozim disse...

Cejunior, essa pra mim foi a melhor mesmo. O alonso deve ser o filho (neto?) perdido do Carlos Reutmann.

NDMS disse...

Não estou completamente de acordo com o comentario do redator do pastelzinho. Acho que o inglês pagou pela inexperiencia, que normalmmente, arrasta atrás de si, além do Rubinho, uma forte ansiedade

Redatozim disse...

A regra é clara, ndms, não atendeu as megaexpectativas, rubinou. Por inexperiência? Provavelmente sim, mas até que a carreira o redima, é o rubinator da hora aqui na pastelaria.