terça-feira, outubro 16, 2007

Outra coisa

Meio da tarde do feriado, Sophia começa uma birra:

"Bico, mamãe, bico."

Fernanda então responde "ah, não Sophia, bico não, pede outra coisa". E ela, ainda chorando:

"Ôta coisa, mamãe, ôta coisa."




Direto na têmpora: Them Changes - Bobby McFerrin

12 comentários:

don oliva disse...

Essa é realmente demais...
Como se diz: criança diz cada coisa...

Rubens disse...

É a ancestral lógica lusitana que teima em se perpetuar nos cromossomos tupiniquins. Me lembrou um caso que não tem nada a ver com criança: o sujeito estava num restaurante em Lisboa e então perguntou ao maitre se o estabelecimento fechava aos domingos. O maitre disse que não. Chegou domingo e o sujeito foi todo serelepe pro restaurante. Fechado. Voltou outro dia e foi tirar satisfação com o maitre:
_ Você disse que o restaurante não fechava aos domingos.
_ Pois não fecha - insistiu o maitre.
_ Como não? Estive aqui e ele estava fechado.
_ Ele não abre aos domingos. Ora pois, se não abre, não fecha aos domingos - sentenciou.
Pena que essas pérolas, como essa última da Sophia, vão acabando quando viramos adultos. Lá, n'além mar, continuam firme e forte.

Cejunior disse...

É, criança é um barato mesmo! Vai anotando essas "gracinhas" porque essa fase passa e só deixa a gente com saudades!
Um abração.

Frederico Tavares disse...

A pureza e a Inocência das respostas e dos pensamentos das crianças.
Pior é qundo vc tem que (tentar) não rir.

Redatozim disse...

Don Oliva, é sem sombra de dúvidas uma das melhores coisas de ser pai: reaprender a pensar com pureza.

Redatozim disse...

Então, na sua teoria, os lusitanos são o que há de mais próximo da eterna infância, Rubéola? Boa tese, há que se refletir sobre ela.

Redatozim disse...

Tô anotando no blog, Cejunior, mas depois tenho mesmo que passar pra um "ambiente físico". Esquecer dessas coisas é um pecado.

Redatozim disse...

Frederico, eu já desisti de não rir. O que faço é sair correndo do cômodo pra ver se ela não percebe que eu estou rachando.

Danny Falabella disse...

Ahh que mimo!!!!É Maurilio, você precisa anotar...eu tenho um caderninho que anoto tudo relativo a minha Sofia. Guardo até rotulo do leite que ela tomava depois de desmamar no "boobs" (sim, ela chama peito de boobs). estas coisas viram reliquia depois de anos. E com certeza vai ser um caderninho cheio de pérolas. Vale a pena! Um beijão na fofa da Sophia!

Maria Luiza Pedrosa disse...

Sophia Futebol Clube êo êo!

Redatozim disse...

Preciso mesmo, Danny, a cada dia ela fica mais peça rara. Beijo na sua sofia também, viu?
PS - boobs é internacional demais risos

Redatozim disse...

Torcida organizada nela, Maria Luiza!