quinta-feira, outubro 25, 2007

Encalhe em dose máxima

As cenas que vocês verão a seguir são chocantes, mas reais. Ocorridas no casamento de um amigo (e de uma amiga), as fotos mostram o grau de desespero a que chegam mulheres solteiras com mais de 30 anos. Notem que, no embate entre Coréia e Suécia, a agilidade venceu a força.


Musculatura contraída, olhares fixos, o sorriso mal disfarça a ansiedade.





O bouquet é coreano, mas os suecos não desistem facilmente.





A agilidade coreana bate a força sueca. É tombo, meu nêgo.




Direto na têmpora: Stable song – Death Cab for Cutie

8 comentários:

HB disse...

Putz, Redatozin...

Essa é Coreana mas com um pezinho na Bahia. Passou a rasteira com uma técnica de mestre em capoeira.

Agora, se a gigante da Escandinávia quiser até dou uma chance prá ela.
rs rs

Abz...

Redatozim disse...

Pô, Hugo, é só mandar seu currículo com foto pra Embaixada da Suécia. Pelo desespero visto nas fotos eu acho que rola.

don oliva disse...

O mais engraçado é que tem uma, lá no fundo à esquerda, que não tá nem aí.
Deve ser casada, não é? hehehe

Redatozim disse...

Ah, sim, a disputa é claramente entre as duas. Tem uma de vestido preto e branco à direita que entrou no páreo, mas percebeu logo que não valia tentar contra a dupla.

Maria Luiza Pedrosa disse...

Ocorreu comigo em Olinda, PE no último feriado de 12 de outubro:
"Na hora do bouquet estava tudo combinado, a noiva mandaria na nossa direção: eu ML, 4 anos de namoro e X, 6 anos de namoro. Nos degladiarímos e pronto. Só que minha amiga X, sentindo muito calor, resolveu desprover-se das peças íntimas e foi para a cerimônia livre, leve e solta. Na hora do lançamento do bouquet, esqueceu-se disso e deu um pulo a la NBA e o vestido - curto - foi junto. Não ganhou o bouquet mas sim uma dor de cabeça, pq desde então ela sofre todos os dias varrendo o YouTube... hehehe E eu como boa amiga, passei o resto da viagem tocando o CD da Sandy&Junior: vamos pular! vamos pular, vamos pular,vamos pular!"

Redatozim disse...

Que mania é essa das mulheres agora aqndarem sem calcinha? Nem estou reclamando, mas parece que virou moda isso. Será o retorno triunfal da famosa série da Casseta Popular (ou Planeta Diário, não lembro) que estrelava a Prima Roxana: "Calor na Bacurinha"?

Danny Falabella disse...

gente! Nunca peguei em bouquet..ta certo que meu marido enrolou 8 anos pra casar comigo (e estamos casados a quase 8). Melhor que bouquet é irmão encostando namorado na parede: "e ai? Vai casar ou não vai! Pára de enrolar minha irmã!" Hahahaha
Outra prova de que pegar bouquet é uma bobagem: no meu casamento (jan de 2000) quem agarrou com unhas e dentes o bouquet foi minha prima Vanessa Falabella (a cantora que alguns de vcs conhecem)...ta solteiraça até hj,lá em Sampa...e olha que ela é bonita! hahaaha podem conferir no Cd dela novo (Vibe). (com licença aqui do seu Maurílio para o merchan..)

Redatozim disse...

Isso de bouquet é lenda mesmo, Danuza. A idéia por trás da tradição é criar momentos de profundo ridículo que quebrem um pouco a pompa da cerimônia. No caso das fotos do post, dá pra ver que funcionou.