segunda-feira, novembro 09, 2009

Tio Maurilo, o tolo

Entrei na livraria e escolhi dois livros, um infantil e um romance. Aproximei-me do atendente e na hora de pagar fui pedir o desconto que o Clic oferece aos pais de alunos.

- Ah, eu tenho um desconto de 15%, beleza?

- Desconto?

- É, o desconto do Clic. Eu tô com a mensalidade aqui pra comprovar que minha filha estuda lá.

- Tudo bem, mas a livraria não tem convênio com ninguém.

- Claro que tem, eu recebi o email.


E diante da negativa do atendente e do gerente que já se aproximara, saquei o celular e fui ler o email em voz alta:

- "O Café com Letras, além dos bons títulos, está dando 15% de desconto aos pais das crianças do CLIC, na compra de livros, mediante comprovante de matrícula (que pode ser boleto bancário)." Viu? Tá aqui no email.

- Ah, sim, senhor, mas aqui é a Livraria da Travessa, o Café com Letras fica logo ali, duas quadras abaixo.


Agora eu pergunto: será que um dia eu vou aprender?




Direto na têmpora: Hazy shade of winter - The Bangles

30 comentários:

Sakana-san disse...

Oh, oh... ^__-

redatozim disse...

Ainda bem que burrice não dói, sakana-san, senão eu viveria a base de novalgina.

Emanoel disse...

Maurilo #FAIL

redatozim disse...

Eu sou o rei do #FAIL, Emanoel.

Fernanda disse...

kkkkkkkkkk!

redatozim disse...

humilha, fernanda, humilha

Maria disse...

Já imaginei a cara da Sophia, com a mão na cabeça dizendo: "não, esse não é o meu pai!!!" kkkkkkkkkkk

redatozim disse...

Aha! A Sophia não estava junto, Maria, pra ela eu continuo com status de semidivindade rsrsrs

Ilda Marcia disse...

tem tempo que não comento, mas hj eu não me contive.só uma pergunta:
Você efetuou a compra ou foi pra outra livraria?

redatozim disse...

Deixei os livros na mão do atendente, dei tchau e nem pedi desculpas, Ilda. Vexame total.

Ilda Marcia disse...

...é vc poderia ter inventado: olha eu sofro de amnésia recente, confundo nomes de lojas, principalmente livrarias, essas coisas de "um velho resmungão". Mas o fato foi engraçado!! Mesmo sendo famoso, vc é gente igual a gente!!rsrsrsrs

redatozim disse...

Famoso? Cê tá doida, Ilda?

Ilda Marcia disse...

vc é "quase" uma celebridade da net! rsrsrsrs

redatozim disse...

hahahaha "quase celebridade" é duro, Ilda.

PC disse...

Liga não, lindão.
Afinal, você é redator.
E não ledor.
Não tinha a menor necessidade de prestar atenção no que você lê.
Só no que redata.
E como o email não foi uma redação sua, tá limpo...

redatozim disse...

É isso aí, PC, eu já gasto um tempão escrevendo o povo ainda quer que eu leia, pô?

Renata Feldman disse...

Caro colega,
Faz o seguinte: compra os livros (com desconto, é claro), bota na mala e vai tirar umas férias!... (Acho que você está precisando... rsssssssss)
Abração!

redatozim disse...

Nem me fale, Rê, Uns 6 meses de férias já ajudavam.

Rubens disse...

Morro de medo de ficar assim. Rezo toda noite...hehehe

ndms disse...

Acho que o pedido de desculpas seria a chave para uma saida digna ( humildemente digna )

Gastão disse...

Pô, Redatozim, você sem perceber estava fazendo o certo. Comprando na Travessa e evitando o Café com Letras. Mesmo sem o desconto.

redatozim disse...

Reze mesmo, Rubinho, vai que esse negócio pega.

redatozim disse...

Que birra é essa com o Café com Letras, Gasta? A seção infantil de lá é ótima.

redatozim disse...

pois é, ndms, foi só um exagero de linguagem pra dar mais graça, é claro que eu pedi desculpas. enfim.

Micho en el pais de las maravillas disse...

Eu imagino a cena! Sophia já sabe assoviar?, assim tipo despistando?
kkkkkkkkkkkkk

redatozim disse...

Sophia não estava junto, micho, pelo menos isso. Se é pra bancar o idiota, que seja sozinho, né não?

Danuza Falabella disse...

putz tá igual meu ex maridon que chegou nu burguer king em londres nos idos de 2003 e pediu big mac....hehehehehe afinal, que fim teve sua história? vc enfiou a cabecinha onde???hahahha

redatozim disse...

enfiei a cabecinha dentro da gola da camisa, corri no Café com Letras e comprei com desconto. Fazer o que mais, Danny?

Cristie disse...

Maurilo,
Só li esse post do Café com Letras hoje e morri de rir porque ontem aconteceu uma situação constrangedora comigo... estava parada no congestionamento quando o carro de trás bateu no meu. desci bravíssima e disse pro cara, presta atenção, não tá reparando que tem congestionamento? Menos de 5 minutos depois, o troco veio a galope. Bati no carro da frente. Era um táxi e o taxista desceu do carro e gritou: vou arrancar seu pescoço! só me restou rir de mim, né?

redatozim disse...

A gente não aprende nunca, Cristie rsrsrs ´ê, dureza.