terça-feira, junho 26, 2007

Jet leg

Hoje virei a noite trabalhando, saí da agência às 6h15 da matina, fui dormir às 10h30, acordei às 13h30 e voltei pra ralar às 16h30. Parece que acabei de chegar na Mandchúria e o fuso tá começando a fazer efeito. Até o português eu to com dificuldade de entender.




Direto na têmpora: Meu mundo e nada mais – Maurício Pereira

8 comentários:

oliva disse...

Essas viradas são phoda mesmo. Eu me lembro de uma que eu fiquei por mais de três dias na agência. No final eu emitia sons guturais e me sentia um Neandertal. Tudo parecia um sonho... quer dizer, um pesadelo.

Redatozim disse...

Aquele filme Insônia passa bem essa sensação. Mas bastou uma noite bem dormida pra ficar novo de novo.

roger disse...

não aguenta, bebe leite!

Redatozim disse...

Leite morno dá sono, Roger, melhor uma pinguinha.

felipe disse...

Rala condenado. Hehehe.

Redatozim disse...

Nem me fale, meu caro Felipolha. E sábado teve também. Uuuurgaa.

Rubens disse...

Ainda existe isso, ralar até às 6 da matina? Vade retro...

Redatozim disse...

Não é regra, Rubéola, mas saber que é exceção não alivia em nada a cabeça zoando.