segunda-feira, setembro 28, 2009

A night at the Opera

Marcus Barão me presenteou com os convites e resolvi levar a minha Sophia para assistir a ópera "A Menina das Nuvens", de Villa-Lobos.

Não satisfeito com a temeridade de colocar uma criança de 3 anos para enfrentar 3 horas de ópera de um compositor não necessariamente "fácil", chamei o Tomás, coleguinha e paixão platônica dela.

Foi uma surpresa. No primeiro ato, um show de educação e interesse dos dois. No intervalo, Tomás mesmo gostando pediu para ir embora e Sophia não quis arredar pé. Ficou até o final, encantada, levantou-se, aplaudiu e gritou "bravo".

Se puxar à avó, quem sabe daqui a alguns anos ela volta à ópera como participante?


Teve ópera bacana no final de semana.




Teve momento princesa depois do cinema no final de semana.




Teve até minhoca da horta do Clic no final de semana.




Direto na têmpora: While You Wait for the Others - Grizzly Bear

8 comentários:

Micho en el pais de las maravillas disse...

Gente! a mulher perfeita existe! é da geração do meu filho! oba!
Que linda! os pais devem arrisscar sempre, pois a surpresa pode ser lindamente boa.

redatozim disse...

É, Micho, eu não achei que ela fosse passar do primeiro ato. Foi uma surpresa boa mesmo.

Jonga Olivieri disse...

Bravo!
Don oliva

redatozim disse...

Bravissimo, Don Oliva.

Felipolhas disse...

Não ser a genética dominante é uma benção né Murilão.

redatozim disse...

A merda são os 9 meses de medo até ter certeza de que ela realmente puxou a genética da mãe, Felipolha.

ndms disse...

E, como sempre, a Sophia com a agenda lotada!!!
Beijos

redatozim disse...

Ainda bem, ndms. Vida cultura intensa rsrs