segunda-feira, fevereiro 07, 2011

Para Lílian

Resiste, mulher, ao tapa que te explode na face, à agressão que te fere a alma.

Resiste, pois és mulher, e nada para ti será simples, muito menos o amor para o qual viveste uma vida inteira.


Resiste, mulher, à ofensa rasteira, à mentira que queima.

Resiste, pois és mulher, e geraste filhos que te virarão o rosto e fingirão que não mereces ser chamada mãe.


Resiste, mulher, à humilhação rotineira, ao desprezo diário, ao descuido com café, pão e manteiga de toda manhã.

Resiste, pois és mulher, e tens o nome de Lílian, que quer dizer pura, inocente.

Mas quando resistes, mulher, inventas para ti mesma um outro nome que grito aqui: coragem! Coragem! Coragem!



PS - Minha homenagem à Lílian, que está ao nosso lado há quase 10 anos e cuja resignação e súbita coragem para enfrentar a violência doméstica nos fazem querer ser melhores.





Direto na têmpora: We're In Yr Corner - Cornershop

6 comentários:

Helena disse...

Força para Lílian.

Micho en el pais de las maravillas disse...

deve ser porque é tarde.
Mas eu li e chorei, pensando quantas pessoas sofrem violência domestica, caladas resignadas, impotentes.
Força pra ela.

redatozim disse...

Valeu, Helena.

redatozim disse...

Estamos tentando dar uma força, micho, mas muito depende da justiça e dela própria.

danny falabella disse...

o primeiro passo cabe a ela a dar. mas vocês podem ajuda-la apoiando e encorajando-a. lindo texto e que Deus a ilumine e proteja.

redatozim disse...

É isso que estamos tentando fazer, danny. beijo.