quinta-feira, janeiro 14, 2010

Pro inferno

Pat Robertson é um imbecil. Ele também é advogado, pastor pentecostal e ex-candidato à presidência dos Estados Unidos, mas nada disso tem importância diante do fato de que ele é um gigantesco imbecil.

Para Pat Robertson, o Haiti fez um pacto com o diabo para escapar do jugo francês e é por isso que, há 200 anos, as pessoas daquele país estão condenadas a sofrer e a viver em meio à miséria.

Os 100 mil mortos do último terremoto, por exemplo, estão apenas pagando o preço por um pacto com o diabo feito por seus ancestrais. Se alguns voluntários morreram também, são apenas uma casualidade mínima, um bônus para o cramulhão.

Pat Robertson acredita ainda que a República Dominicana tem seus resorts e uma economia melhor do que o Haiti, mesmo as duas dividindo uma única ilha, porque não fez o tal pacto. Logicamente, o grande imbecil acha que o fato dos dois vizinhos terem sido colonizados por países diferentes não tem nada a ver com o peixe.

No discurso de Pat Robertson não há espaço para o respeito à dor, solidariedade ou mesmo perdão. Naquela mente mesquinha e limitada, cabe apenas a punição por uma suposta escolha de uma população inteira há mais de dois séculos.

Como eu disse, Pat Robertson é um imbecil dos grandes. E é bom saber que ele acredita no inferno, porque se tal lugar realmente existe, o lugarzinho dele está bem guardado por lá.




Pat Robertson mostrando a uma repórter porque faz parte da escória humana.




Direto na têmpora: You Mean Nothing To Me - Jay Reatard

4 comentários:

Danuza Falabella disse...

que va para o Diabo que o carregue...um vuduzinho básico pra ele tb não é uma má escolha. Que sujeito escroto.

redatozim disse...

escroto é apelido, danny

Zé Celso disse...

"The devil said: ok, it's a deal"..

hahahaha...o cara sabe até o que o diabo respondeu.

redatozim disse...

Ele obviamente é chegado do capeta, Zé Celso.