segunda-feira, junho 06, 2011

Followers and friends

O que faz você seguir alguém que não conhece no Twitter? O que leva alguém perfeitamente reservado e sensato escolher uma pessoa que nunca viu para iniciar uma amizade no Facebook? Que assuntos fidelizam você a um blog? Que afinidades aproximam você de uma página da web?

Agimos por impulso na internet. Mostramos ali as coisas que realmente nos iteressam, mesmo que elas não estejam presentes em nossos discursos ou na persona que construímos e ostentamos diariamente.

É muito esclarecedor conhecer alguém através das referências que ele nos passa quando está sendo realmente ele mesmo. Aliás, vale como reflexão sobre nós mesmos, como uma ferramentazinha de auto-conhecimento, se preferirem.

E ainda assim, muitas empresas (e agências) insistem em menosprezar todo o retorno que vem através de buzz e de tendências que surgem nestes ambientes. Definir uma estratégia para eles, então? Impensável.

Acho que falta pra esses caras a compreensão de que seguidores e amigos podem virar, quando tratados com respeito e criatividade, consumidores e embaixadores da marca.




Direto na têmpora: The holiday song - The Pixies

2 comentários:

Micho en el pais de las maravillas disse...

Falta em primeiro lugar, desbloquear as redes sociais, falta entender que estar presente não basta...tem que ser da forma certa, falta conhecer e acreditar no potencial das redes sociais, falta tanta coisa...mas primeiro desbloqueia ae galeres!

redatozim disse...

DEsbloquear é básico, Micho.