quarta-feira, junho 25, 2008

Coisas do GP

Meu amigo GP era completamente insano e, apesar de já ter tomado jeito faz algum tempo, ainda rende boas lembranças.

Por ter sido um dos primeiros da turma a dirigir (roubando o carro do pai na maioria das vezes, é verdade), GP era figura permanente em nossos tours noturnos, levando quase sempre mais de 7 pessoas no veículo.

Como a viatura não tinha som, a música vinha de um 3 em 1 portátil que o co-piloto levava no colo. Os programas incluíam descer da torre de televisão com os faróis desligados, parando centímetros antes de despencar ribanceira abaixo.

Fora isso, me lembro uma vez em que nosso GP dirigia o seu fusquinha e, completamente alcoolizado, irritou-se com a ultrapassagem de um ônibus. Imediatamente, enquanto esbravejava, começou a jugar o fuqueba pra cima do monstro.

Parecia uma cena de filme de perseguição: "não vai me ultrapassar nem fodendo!" e BLAM, jogava o carro contra a lateral do ônibus. No final, o fusquinha deu o prego e saíram todos vivos.

Aliás, o fato do GP e desse pessoal todo estar vivo até hoje já é algum tipo de prova da existência divina.




Direto na têmpora: Unison - Björk

16 comentários:

Danny Falabella disse...

Deu trabalho pra Deus hein meu filho???aí a gente pensa nos nossos filhos qdo atingirem adolescência e arrumarem amiguinhos GPs...putz..hehe

redatozim disse...

Eu, não, Danny, sempre fui um menino tranqüilo e sereno. E Sophia seguirá o pai neste quesito, tenho fé. Se bem que, se for mais tranqüila, melhor.

ndms disse...

Os GP,s da vida estão por fora!

Cejunior disse...

Cara... olhando assim de longe... com a gente fez besteira!!!!!
E ainda temos a cara-de-pau de reclamar da garotada de hoje.
O que a vida nos apronta, não é mesmo ?
Um abração.

redatozim disse...

Pois é, ndms, mas é da idade, sempre vai ter um GP perto da gente e até mesmo podemos ser um deles. É fase, e se a gente sobreviver, passa e ficam as lembranças.

redatozim disse...

Pois é Cejunior, o cara hoje é profissional respeitado e, até onde eu sei, inclusive casado (pai ainda não, ufa!). Viveu essa fase e serve de bom motivo de causos, mas que a gente faz muita bobagem quando jovem, isso faz.

ndms disse...

Acho que agora eu sei que é GP. Realmente mudou de água para vinho e ninguem acreditava nessa mudança. É assim, o juizo está disponivel para todos, basta que a pessoa deixe-o entrar

redatozim disse...

É ele mesmo, ndms.

Ibiza97 disse...

É danny, os pais dele também deviam estar preocupados com as amizades mas brotou dentro de casa mesmo; cuidado.

Ibiza97 disse...

ndms,

Acho difícil fazer críticas assim, só mesmo conhecendo muito bem.
Existem pessoas que não se contentam com o lugar comum, vir ao mundo a passeio ou ser mais um aluno de "The Wall", elas tê uma inquietação interior.
Algumas se perdem, mas como vocês disseram parece que esse foi um caso bem sucedido. O que determina isso é a estrutura familiar.

Ibiza97 disse...

Retadozim,

Muitos outros existiram lá e deixaram casos folclóricos também, se lembrar algum conta aí.

redatozim disse...

Ô ibiza97, volta e meio apareço com um caso, pode deixar.

Anônimo disse...

AGRADEÇO TODOS OS DIAS POR TER CONIVIDO, CONVIVER E SER UM VERDADEIRO GP AS AVESSAS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!SÓ QUEM VIVEU SABE COMO FOI BOA NOSSA ADOLESCENCIA NA CIDADE DO PÓPRETO SEM FIM E DO KOMINPÉ...ABRAÇÃO MAU!ADOREI REENCONTRAR O VELHO, DIGO, CADA VEZ MAIS EXPERIENTE, NILÃO E Á CLARO TIA WANDA TAMBÉM!!LINDA SOPHIA!1

redatozim disse...

Paulomar!? Guimbo!? Quem é este ipatinguense anônimo?

paulomarnascimento disse...

eu não tive a intenção de ser anônimo...rs...nunca mesmo, Paulomar meu velho Mau...abração

redatozim disse...

Eu te entendo, paulomar, eu te entendo.