quinta-feira, setembro 23, 2010

Bichinho bonitinho

- Tem um bicho no meu cabelo! Tira! Tira! – gritava a menina todinha vermelha.


A mãe levantou-se e, soltando um suspiro resignado, foi ver de perto o motivo do escândalo.


- É só um bichinho, Mariana.

- Credo! Credo! Credo! Como é que ele é? É nojento?

- Não... sabia que ele até bonitinho?



E Mariana, tapando o rosto para não ver.


- Quê!? Bonitinho!?

- Bonitinho, sim. Ele é pequenininho, vermelhinho e tem umas manchinhas roxo-azuladas.

- Roxo-azuladas?

- É, um azul quase roxo, sabe?

- Ele é molengo?

- Não, mas também não é cascudo igual a besouro.



A menina tira as mãos do olhos e espia o inseto.


- Você vai fazer o que com ele?

- Não sei, Mariana, vou jogar fora, matar, sei lá.

- Mata não, mãe! Peraí, deixa eu ver ele aqui na minha mão.



Ela então vira a cabecinha, olha o bichinho e pede:


- Mãe, põe ele de novo no meu cabelo, por favor?





Direto na têmpora: Rudie can't fail - The Clash

8 comentários:

Fê disse...

LIIIIINDO!!!! AMEI...

redatozim disse...

Que bom, Fê. Veio assim, de supetão.

no estrageiro disse...

Ai, que lindo, que meiguinho. Adorei!

Crianca eh assim mesmo, nao tem orgulho de admitir que estava errada. Poque a gente fica tudo chato quando cresce, hein?


Tata

redatozim disse...

Sei porque não, Tata, mas que as crianças são bem mais legais, são.

Mari disse...

adorei esta mariana....

redatozim disse...

rsrsrs Você tem cara de que foi uma Marianazinha assim, Mari.

Micho en el pais de las maravillas disse...

Que lindo! lindo! lindo!

redatozim disse...

Valeu, Micho.