segunda-feira, janeiro 10, 2011

Chorando juntos

Sophia nunca entendeu o fato de eu chorar em desenhos. Ela fica brava comigo, tapa meus olhos, me manda sair da sala, realmente a irrita esse meu lado.

Pois hoje pela primeira vez ela me entendeu.Dei de presente para ela o filme O Corcunda de Notre Dame da Disney e, enquanto trabalhava, Sophia irrompeu em um choro convulsivo e descontrolado como nunca vi. Disse que havia machucado o pé, mas não queria gelo ou remédio. Simplesmente gritava e não queria ninguém por perto.

Alguns minutos depois, um pouco mais calma, ela explicou entre soluços:

- Eu estou muito triste, porque eles maltrataram o corcunda.

E novamente se entregou ao pranto.

Eu e Fernanda usamos 7 mil argumentos para acalmá-la, mas vocês não imaginam como sofremos por saber que nossa filhinha já tem uma empatia tamanha por aqueles que sofrem. Vai sentir muita dor como sentem todos aqueles de bom coração.

Morro de orgulho e de pena por ela.




Direto na têmpora: Whatever - Oasis

8 comentários:

Helena disse...

Pior foi comigo, que aos 6 anos fui submetida a um desenho de uma menina judia que, fugindo da guerra, perdeu a família e foi morar num buraco debaixo da terra. Depois perguntam pq faço terapia...kkkk

redatozim disse...

Não fala assim que eu fico pior ainda, helena.

Aline Simões disse...

Morro de Orgulho!!!
"minha" pequena tão crescida.. da um aperto no coração...
Chorando Juntos mesmo!

redatozim disse...

É aquela alegria de ver crescendo e o medo de que ela cresça rápido demais, aline.

Anônimo disse...

ai, que lindo e triste. Fiquei comovida com o sofrimento da pequena, deu vontade de ir ai proteger.

Tata

redatozim disse...

Dá vontade mesmo, Tata, mas nem sempre a gente consegue.

Flor que Fala disse...

Mais orgulho do que pena, né?
Quem dera o mundo tivesse povoado de corações bons como o de Sophia e de seus exemplos...

redatozim disse...

Mas ela bem que podia sofrer menos, né, Flor que Fala?