sexta-feira, abril 17, 2009

O escândalo (sic) das passagens

Eu me rendo à grande massa dos canalhas.

Eu me rendo aos que abusam dos cofres públicos.

Eu tiro o meu chapéu para quem distribui passagens para Adriane Galisteu e Kaiky Brito com o dinheiro do povo e acha normal.

Eu me curvo àqueles que consideram fundamental que o governo pague pelas idas e vindas de seus cônjuges e familiares para qualquer viagem que trate dos interesses nacionais.

Eu me desdobro em respeitosa admiração por aqueles que vão a público defender privilégio absurdos e abusivos com a mesma expressão facial de quem defende o combate à mortalidade infantil ou ao analfabetismo, por exemplo.

Eu me rendo e afirmo aqui que quero ser político. Quero mamar nas tetas do governo, me lambuzar de leite, grana e vantagens obscenas. Quero sentar com o Stephanes e o Fabio Faria e rir da cara de todos vocês, otários que trabalham de ônibus. Quero vender minha ética e meu senso de justiça por quatro anos de mandato.

Dane-se a coerência, dane-se o respeito aos meus ideais, dane-se a preocupação com as verdadeiras prioridades do país. Dane-se. Eu quero encher a burra, quero virar doutor sem ter doutorado, dar entrevista com óleo de peroba na face a atacar quem questionar minha postura.

Quero comprar amigos na imprensa, ter posições contraditórias, aliar-me a quem mais desprezo. Eu quero é me esbaldar com o dinheiro de vocês.

Eu me rendo à corja de Brasília. Em 2010 quero ser candidato e em 2012 também.




Direto na têmpora: Long Distance Call - Phoenix

18 comentários:

Angel disse...

Putz Maurilo !
Tb acho fantástico o poder de cara de pau dessa nossa queridíssima turma !
Talento impressionante, um primor !
Só podemos mesmo admirá-los !

alexandre, com telhado de vidro disse...

por nada, não, mas a gente merece os nossos representantes.

tenho coleguinha que ganha uma fábula em termos de brasil e tem carteirinha de estudante falsificada, como 80% ou mais das pessoas têm.

o fato de eu comprar o disco original não exime o download que eu faço tanto de disco como de filme e seriado de tv.

é coisa de ladrão de galinha.

de gente que aprendeu o beabá da lei de gerson, de gente que ganha passagem de avião da empresa e vai de ônibus.

é pagar a caixinha pro seu gualda não te multar, é conseguir um contato dentro da receita ou qualquer outro órgão ou autarquia vital para qualquer interesse particular conhecido como PECULATO.

e brasília, meu filho, é o que a gente merece.

é quem dita a lei de gérson.

e eu coloquei o cara lá. ou permiti que continuasse lá.

redatozim disse...

É por isso que existe o sic no título do post, Angel. Escândalo? Isso é a norma. Escândalo seria se todos eles percebessem o absurdo do benefício e tomassem a atitude de revogá-lo. Aí sim, seria um choque.

redatozim disse...

Concordo 100% com o que vc escreveu, alexandre, e é exatamente por isso que vou acabar com a falsa moral. Quero mesmo faturar em cima de vocês, povo. Quero abusar dos privilégios e ser ladrão com imunidade. Em 2010 e em 1012, Maurilo é o seu candidato.

paulomarnascimento disse...

no alvo mais uma vez caro Mau!!uma vez sonhei que se o famigerado PCC tivesse optado por ao invés de atacar onibus coletivos e policiais eles tivessem começado a matar esses nossos "representantes", como forma de protesto...sei não, mas acho que eles já teriam até canditado a presidencia, até quando vamos aguentar???

redatozim disse...

É por isso que eu digo, Paulomar, vote em mim nas eleições de 2010 e 2012. Roubalheira e falta de escrúpulos sim (com isso o Brasil já se acostumou), mas pelo menos eu deixo um agradinho pros amigos.

ndms disse...

Como se diz na música: " Que país é esse "? O pior de tudo que principalmente na área política, este nosso país fica cada vez pior e mais indecente. Nessa área, infelizmente já não existe mais uma luz no fim do tunel

redatozim disse...

Claroq eu existe, ndms: Maurilo em 2010 e 2012. Vou roubar como um louco e mentir como um fdp, mas não vou esquecer a família.

Rubens disse...

Já tenho o slogan:
Vote em Maurilo. Esse rouba sem grilo.

redatozim disse...

Boa, Rubéola. Pensei também em algo como: Vote Maurilão. É voto na urna e dinheiro na mão.

danny falabella disse...

quero ser sua assessora ok?? Mas olha, é so na folha de pagamento. eu nem vou me dar ao trabalho de ir ao local de trabalho não ok? só quero o salário mesmo.

brincadeiras a parte..é druris...

redatozim disse...

tem vaga pra funcionário fantasma sobrando, danny, pode contar com seu rico dinheirinho sem fazer nada.

Micho en el pais de las maravillas disse...

Eu quero também, quero ser sua assessora de assuntos varios, vc nem vai me ver eu posso alegar que seu gabinete é pequeno e que tudo lá e muito bagunçado por isso trabalho em casa, vai ser uma beleza! kkkkkkkkk
E triste, mas eu fico constrangida de reclamar, sabe? as pessoas acham que eu não tenho direito...Ah se o IRF lembrasse disso! kkkkkkkkkk

redatozim disse...

tem direito de reclamar sim, micho, e está contratada desde já para o cargo de Assessora Parlamentar de Inutilidades e Assuntos Peruanos em Geral.

Alice disse...

isso, sem sobra de dúvida, é o fim da batucada! é tão, mas tão sem nexo e escrúpulo que eu não consigo discorrer sobre o assunto. é brasil!

redatozim disse...

É, infelizmente, Brasil demais isso tudo, Alice.

Nana Rego disse...

"Vaca profana, põe teus cornos
Pra fora e acima da manada
Vaca profana, põe teus cornos
Pra fora e acima da man...
Ê, ê, ê, ê, ê,
Dona das divinas tetas
Derrama o leite bom na minha cara
E o leite mau na cara dos caretas".

redatozim disse...

É isso aí, Nana, sem pudor nenhum de mamar na vaca de assombrosas tetas.