terça-feira, dezembro 18, 2007

A tara do touro

Meu grande amigo BVG possuía um inestimável guia de filmes (se não me engano, da Abril) que líamos freqüentemente para nos referenciar sobre bons filmes, discordar das opiniões dos autores ou simplesmente rir das críticas mais escrotas.

Pois bem, certa vez estávamos nos divertindo com as avaliações dos filmes pornô uma estrela – que incluía títulos como “A B... profunda de Julie”, “Senta na minha que eu entro na sua” e “Eu sei do que elas gostam e o que elas gostam não é mole” – quando nos deparamos com a maior pérola do prestigioso guia: “A Tara do Touro”. Se me ajuda a memória, o texto seguia assim:

“A Tara do Touro – História boba. Elenco feio. Cenas nojentas. Filme ruim. Não veja.”

Procurei o filme no imdb e descobri que o filme é de 87 e que o elenco contava inclusive com Chumbinho, um ator pornô anão. Infelizmente nunca consegui assistir a este clássico do cinema erótico mundial.


O falecido anão, Chumbinho, em traje de gala.




Direto na têmpora: Golgotha Tenement Blues – Machines of Loving Grace

15 comentários:

Rafael disse...

O cinema brasileiro também tem as sua pérolas.

No tempo da vaselina
O homem de Itú
Oh, que delícia de patrão
Aluga-se moças
Aluga-se moças 2
Amadas e violentadas
Bacanais sem fim
Bacanais na ilha das ninfetas

A criatividade tupiniquim não fica muito atrás.

Redatozim disse...

O cinema brasileiro não pornô, na época das pornochanchadas tinha uns títulos geniais mesmo, Rafiiiinha. E a Vera Fischer participou de todos.

Gastão, o BVG disse...

Redatozim, meu irmão... É sempre bom ver meu nome no lado de lá da Pastelaria... Cara, eu dei muita risada lembrando daquilo. Não me lembro exatamente do texto, mas era mais ou menos isso que você falou. Aquele guia era muito bom para aquela época (1988). Eu lembro que, segundo o guia,"Senta no meu que eu entro na tua" era dividido em 2 histórias. Uma se chamava "O unicórnio", e falava de um cara que tinha um pinto na testa. A outra era "Alô Buça", e contava a história de uma mulher cuja vagina começa a falar. Não sei se é verdade, mas imagino o quanto deve ser tosco.

Danny Falabella disse...

este até eu queria ver...deve fazer rir mais que muita comédia por ai!

morado disse...

nao é o chumbinho que estrela o "alucinaçoes sexuais de um macaco"? detalhe: o macaco tem a voz do fred flinstone.

Gastão disse...

Redatozim, é bom explicar para os outros clientes, para que eles não pensem (descubram?) que nós éramos pornófilos. O guia era sobre cinema e vídeo de modo geral. Falava de filmes de todos os gêneros, com dados, críticas, classificações de 1 a 5 estrelas. A parte do pornô era importante (inclusive merecendo destaque na capa), dividia filmes entre 'eróticos' e 'pornográficos', e os analisava com seriedade, chegando, portanto, a ficar engraçado, tal qual você descreveu aí.

Redatozim disse...

Gasta, respondendo às duas msgs de uma só vezada, queria deixar claro que "Alô, Buça" é sem sombra de dúvidas o melhor título de todos os tempos. Desse detalhe eu não lembrava. O que me leva à segunda resposta: o prórpio post esclarece a utilidade do guia, Gasta, ninguém vai achar que somos ponófilos não. E se acharem, ainda é uma das melhores coisas que se podem pensar de mim, consideradas todas as opções, portanto, tá limpo.

Redatozim disse...

Danuza, devce ser genial mesmo, mas como disse, essa eu perdi.

Redatozim disse...

Morado, pelo que o imdb diz, sim, é o mesmo "ator". Agora, como não assisti ao supracitado clássico, não posso opinar sobre o tom fredflintstoniano da voz.

Morado disse...

Acho que conheço esse Guia. é o mesmo que dava 5 estrelas ao diabo em miss jones e considerava a cena de abertura como uma das mais intimas e profundas cenas de suicidio do cinema?

Redatozim disse...

É bem possível, Morado, bem possível mesmo.

Almir disse...

Eu assisti esse clássico no Cine Ouro no Largo do Paissandu e também em VHS.
Aliás quando começou a onda de sexo explícito no Brasil no início dos anos 80 eu assistia a quase tudo que era lançados nos cinemas.

redatozim disse...

Eita, Almir, saudade ds anos 80, hein?

Gordo disse...

Acredite, eu tenho este filme. Inclusive, passei o VHS para DVD.
Ruim, mas tem piores.

redatozim disse...

hahahaha sensacional, Gordo. Hoga no youtube.